Layssa Machado Engenharia
Mundo

Embaixada demite dois funcionários após vazamento de hospedagem de Bolsonaro

Ex-presidente ficou hospedado por dois dias após ter passaporte retido pela PF; motivo dos desligamentos não foi divulgado

Por Wander Lopes

03/04/2024

Dois funcionários brasileiros foram demitidos da Embaixada na Hungria uma semana após o vazamento de imagens da hospedagem de Jair Bolsonaro. A informação foi confirmada pelo R7, mas o motivo dos desligamentos e se existe ligação com a divulgação dos vídeos não foi divulgado. O ex-presidente se hospedou no prédio do país estrangeiro por dois dias em fevereiro deste ano após ter o passaporte confiscado pela PF (Polícia Federal). A reportagem entrou em contato com os representantes húngaros e aguarda respostas. O espaço permanece aberto. 

Dois funcionários brasileiros foram demitidos da Embaixada na Hungria uma semana após o vazamento de imagens da hospedagem de Jair Bolsonaro. A informação foi confirmada pelo R7, mas o motivo dos desligamentos e se existe ligação com a divulgação dos vídeos não foi divulgado. O ex-presidente se hospedou no prédio do país estrangeiro por dois dias em fevereiro deste ano após ter o passaporte confiscado pela PF (Polícia Federal). A reportagem entrou em contato com os representantes húngaros e aguarda respostas. O espaço permanece aberto. 

Mais Noticias